Um pouco de alegria aos pacientes em tratamento com Covid-19

O grupo Expresso Riso, em parceria com a Santa Casa de Ribeirão Preto, está promovendo interação ao vivo por meio de vídeo chamada realizada com o apoio de um boneco e um tablet aos pacientes internados em tratamento com Covid -19. A primeira ação foi realizada na última semana e atendeu cinco pacientes, além de profissionais que atuam no setor.

A ideia de criar um boneco e acoplar um tablet para a realização de vídeo chamada, surgiu devido às limitações de visitas presenciais nas unidades de internação durante a crise causada pela Covid-19.

A Santa Casa de Ribeirão Preto é o primeiro hospital a receber o projeto, que através de um tablet, permite que os palhaços de suas residências interajam ao vivo com os pacientes. Para isso, toda uma estrutura foi criada, seguindo também rigorosos protocolos de higienização e normas sanitárias.

Segundo o diretor do grupo, Pérsio Silva, desde o começo da pandemia, o grupo continuou com as ações nos hospitais, mas à distância, com vídeos gravados e enviados aos pacientes e profissionais. Com a ideia de troca de informação e com um contato mais próximo, porém seguro, o grupo criou o projeto do “boneco interativo”.

“Nós do grupo Expresso Riso, estamos muito felizes com o resultado, o feedback foi muito gratificante em relação aos pacientes e aos profissionais da saúde, poder proporcionar um momento lúdico, foi muito importante pra todos nós”, ressalta Silva.

De acordo com a coordenadora do serviço de psicologia da Santa Casa, Maria Augusta Rosa (CRP 86288), a experiência de estar em uma ala de tratamento do Covid-19 é muito forte, seja para o paciente ou para o profissional, por isso, proporcionar um momento de leveza com uma ação lúdica é muito positivo. “Com a ação conseguimos um alívio da ansiedade e de tensões, vimos sorriso nas expressões dos pacientes, foi um momento de leveza no ambiente de tratamento”, destaca.

O grupo voluntário Expresso Riso atua na Santa Casa de Ribeirão desde 2009, sempre trabalhando em dupla ou trio nas visitas aos pacientes.  O diretor do grupo reforça que “a ideia é fazer a diferença na vida dos pacientes através do humor e da arte do palhaço”.

Para a realização do projeto foi necessário o apoio de toda a equipe multiprofissional que atende no setor Covid, além da administração e do Serviço de Controle de Infecção Hospitalar (SCIH).

,

Santa Casa de Ribeirão Preto realiza 100ª alta de paciente com Covid

Momento de grande alegria na Santa Casa de Ribeirão Preto, teve alta na tarde de hoje (17/07), o centésimo paciente com Covid 19 internado no hospital. O paciente, Paulo Paulino, 44 anos, foi liberado após oito dias de internação, ele superou comorbidades e as limitações causada pela deficiência física.

Segundo a médica, Dra. Michele Saccone (150843), coordenadora do setor de COVID-19 do hospital, durante a internação foi necessária a suplementação de oxigênio, via cateter, sem que houvesse a necessidade de entubação e ventilação mecânica.

Para a médica, a centésima alta hospitalar significa uma vitória para toda a equipe da linha de frente e para a instituição. “São profissionais que têm trabalhado diariamente com pacientes extremamente graves, portadores desta patologia nova, a COVID-19. Portanto cada alta hospitalar é uma vitória, e a centésima se torna hoje um grande marco para todos nós, pois demonstra que nosso trabalho árduo e diário vale a pena”, ressalta.

Durante a alta, o paciente foi recepcionado e aplaudido pela equipe da linha de frente do combate ao novo Coronavírus do hospital e também pelo irmão, Rafael Paulino dos Santos, que emocionado agradeceu a toda a equipe do hospital. “Para mim e minha família, esse é um momento de grande alegria, saber que meu irmão venceu a Covid 19 e está bem, é muito gratificante. Somos em 14 filhos e sofremos muito com essa doença, meu pai também está internado com Covid 19 e em breve aguardamos sua alta. Agradeço a todos os profissionais da Santa Casa de Ribeirão Preto que são verdadeiros anjos da guarda e cuidaram do meu irmão com tanto profissionalismo e carinho, ressalta.

O paciente Paulo Paulino recebe o carinho do irmão, Rafael Paulino.

De acordo com a médica Dra. Michele Saccone, os desafios encontrados no tratamento aos pacientes com Covid 19 são inúmeros, desde o diagnóstico, ao tratamento da nova patologia, que possui várias complicações e que ainda há pouco conhecimento científico. Outro desafio apontado pela médica, além de garantir a melhor assistência aos pacientes, é o apoio aos pacientes e familiares. “Devemos garantir o conforto mental diário dos pacientes e de seus familiares, que ficam extremamente angustiados com as incertezas e com o afastamento que a doença determina. Como profissionais de saúde, temos de nos proteger, ter esperança e estar na linha de frente, contribuindo nessa importante luta histórica contra o novo Coronavírus, conclui.

Atendimentos

A Santa Casa de Ribeirão Preto já atendeu mais de 400 pacientes com suspeita ou confirmação de Covid 19, desse total mais de 190 já foram internados, hoje o hospital completa a centésima alta de paciente confirmado com o novo Coronavírus. Em média 70% dos atendimentos são destinados aos pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS).

Agradecimento doação “Projeto Corrente de Amor pelo SUS”

Agradecemos a entrega e doação de 1050 (Hum mil e cinquenta) máscaras de proteção facial (Face Shield), pelo “Projeto Corrente de Amor pelo SUS”, representado pelo Dr. Julio Prestes e idealizado pela Dra. Patrícia Terrível, que realizaram a confecção e distribuição das máscaras à várias instituições de saúde, inclusive a Santa Casa de Ribeirão Preto.
Agradecemos ainda, a A∴R∴L∴S Humanitas Nº 215 e A.:R.:L.:S SCIENTIA ET SAPIENTIA nº 4134 pela destinação à Santa Casa de Ribeirão Preto.